Lume de Chão

CD (Unkown Label)

Available from 03/10/2011

9.50 €

Add to Cart



2011

Nuno Calado Antena 3, Sic Radical
Há dias ou noites em que achamos que as surpresas surgem de uma forma bem positiva.
Foi o que me aconteceu numa noite fria de verão, numa localidade do Alentejo profundo
onde apenas uma rede móvel funcionava em condições. No meio de um local que parecia
esquecido por todo um país, surgiu-me um rapaz com vontade de comunicar, e falámos
de música. Aliás, estávamos ali para isso mesmo, numa final de um concurso de bandas.
No final da noite, o Daniel Catarino deixou-me partir com a promessa de me enviar as
músicas que uns meses mais tarde dariam origem ao álbum “Lume de Chão”, que agora
apresenta os Uaninauei. Quando elas chegaram, a surpresa foi ainda mais positiva.
As canções são bastante fortes e a gravação é muito boa, duas características fundamentais
para se dar atenção a algo de novo. A verdade é que os Uaninauei (diz-se "one in a way")
escolheram um nome difícil de ler à primeira, mas pleno de conceito. As letras são em
português, e nos dias que correm são uma agradável surpresa, porque estão livres de
alguns atropelos linguísticos tão comuns e servem as músicas na perfeição. O nome da
banda é uma espécie de brincadeira quase secreta com algumas letras de bandas nacionais
que cantam em inglês, e cujas palavras fazem lembrar algo parecido com “Running
Away” aportuguesado.
Os Uaninauei foram uma das bandas nacionais que mais me surpreenderam nos últimos
meses. São bons músicos, sabem o caminho que querem seguir e não procuram facilitar.
Podemos arranjar pontos de contacto com outras bandas, é fácil pelo som que praticam
entender que aqui ou ali fazem lembrar os Ornatos Violeta ou os Mundo Cão, mas a
verdade é que têm muita personalidade. As suas 3 guitarras dão à banda um som muito
mais musculado, quase que tocando por vezes o metal mas sem nunca entrar por aí,
embora usando alguns dos seus elementos.
São assumidamente uma banda rock com todas as suas virtudes, sem complexos e que não
esquecem as suas raízes alentejanas, mostrando até certo orgulho ao incluirem um coro de
cantares regionais no meio de um dos seus temas.
No fundo, “Lume de Chão” é um óptimo disco de estreia. Será um erro passar ao lado
deste disco sem pelo menos lhe dar uma oportunidade.

No comments here, be the first!

Leave a review

Only registered users can comment.

Login to comment